quinta-feira, 3 de agosto de 2017

Pudim de Ovos com Vinho do Porto e Passas


Na minha família os pudins de ovos são muito apreciados, por isso faço muitas versões usando como base a receita antiga de pudim de ovos da minha mãe (apontada num caderninho já muito gasto, coitado!).
Este pudim que vos trago hoje foi um desses casos: acrescentei mais dois ingredientes simples e sai um pudim novo :)
Sempre que há festa em que a família se reúne, tem de haver um pudim!!! Até já tenho outro, com receita diferente, em lista de espera para partilhar aqui eheheheheh


Bom, vamos lá à receita deste pudim:

1 chávena almoçadeira de ovos (usei uma chávena com 600 ml de capacidade)
1 chávena almoçadeira de leite meio-gordo
1 chávena almoçadeira de açúcar
2 colheres de sopa de vinho do porto
2 colheres de sopa de passas de uva (sem grainhas)
Caramelo qb para untar a forma (receita)

Comece por colocar o vinho e as passas numa taça e deixe repousar por 30 minutos.
Ligue o forno a 175 °C, coloque um tabuleiro com água (dica: coloque a água já quente no tabuleiro para tornar o processo de aquecimento do forno mais rápido) pois o pudim coze em banho-maria.
Numa taça grande coloque os ovos e o açúcar, bata com uma vara de arames por uns 5 minutos e ara dissolver bem o açúcar.
Acrescente o leite e misture bem.
Adicione o vinho do porto com as passas e envolva.
Unte generosamente uma forma (usei uma de bolo inglês comprida) com caramelo e verta a mistura na forma.
Leve ao forno para cozer por 40 minutos (pode ser mais ou menos tempo de acordo com o seu forno - se tiver dúvidas vá tocando no topo do pudim para ver se está líquido ou se já está firme).
Desligue o forno e deixe o pudim arrefecer dentro do forno.
Retire e leve ao frigorífico por algumas horas - nunca desenforme o pudim quente, não vai correr bem ;)
Para desenformar: retire o pudim do frigorífico, deixe ficar cá fora uns 30 minutos e depois passe uma faca, com cuidado, entre o pudim e a forma. Inverta para o prato de servir.


Apreciem ;)